Dicas para um tingimento de qualidade

1 – Antes do tingimento, lave bem o tecido com sabão para tirar goma, amaciante e gordura (não use amaciante).

2 – Antes de submeter um tecido a qualquer processo que seja, convém identificar o tipo de fibra que o compõe, lendo a etiqueta que está fixada na roupa ou fazendo o teste de identificação de fibra.

3 – Aconselhamos a remoção de acessórios como: botões, fivelas, etc. antes do tingimento.

4 – O corante, no banho de tingimento, deve estar bem dissolvido para receber o tecido ainda úmido.

5 – O aquecimento até a fervura nos tingimentos é importante para obter melhores resultados.

6 – Depois de colocar o tecido no banho de tingimento, deve-se mexer sempre com um bastão, pois se o tecido ficar parado ele manchará.

7 – Para se obter tons próximos aos apresentados, o tingimento deve ser feito sobre tecido cru ou branco.

8 – Pese o tecido para calcular a quantidade de corante necessária para obter a cor desejada.

9 – Tecido colorido deve ser tingido com uma cor mais escura que a cor original ou da mesma cor.

10 – Quando tingir um tecido já colorido, a cor final será a soma da combinação das cores (ex.: tecido amarelo tingido de azul, o resultado será verde).

11 – Para trocar de cor (partindo de uma cor escura para uma cor clara no mesmo tom) ou descolorir um tingimento imperfeito, use o DESCOLORANTE TUPY.

12 – Tecidos estampados não sofrem alteração no motivo, mas há alteração de cor, obtendo efeitos interessantes.

13 – Nas cores escuras (preto, marinho, marrom, verde escuro) use 1 colher (sopa) de sal de cozinha (25g) para cada 300g de tecido seco. Isso ajuda na fixação do corante.

14 – Para obter um melhor resultado, ao tingir tecidos que mesclem fibras de poliamida, acetato, lã natural ou seda natural com fibras de algodão, linho, rami, sisal ou rayon-viscose, utilize o CORANTE TUPYCET juntamente com o CORANTE TUPY num único banho.

15 – Tecidos com mesclas de poliéster ou acrílico com fibras celulósicas (algodão, rayon-viscose, linho, juta, rami, etc) ou fibras protéicas (lã natural e seda natural) ou poliamida ou acetato, sofrem variação na cor, pois o poliéster e o acrílico não absorvem o corante.

16 – O TUPYFIX também pode ser utilizado em tecidos (fibras celulósicas) coloridos que soltem corante nas lavagens.

17 – O TUPYFIX não deve ser utilizado junto a outros processos (tingimento ou descoloração).

   
   
 
   
   
....Seção: Tupy Tupy | Produtos | Vendas | Dicas & Informações | Contato